06 de fevereiro de 2017

Desfralde: momento certo evita traumas e frustrações

E aí, tudo bem com vocês? Aqui está ótimo, apesar da correria de hoje consegui passar por aqui e deixar essa dica para as mamães que estão na fase do desfralde dos seus filhotes. Na época do desfralde e desmame da Lele falei sobre isso aqui. Fazer o desfralde da criança é sempre muito delicado para nós pais. Por isso, é fundamental avaliar o momento exato para que não haja problemas e frustrações de ambos os lados.

Imagem: casadeviver

De acordo com a pediatra do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, Ana Paula Sakamoto, os pais devem identificar a hora correta de iniciar este processo. “No verão, o desfralde é mais fácil, porque a família está presente no dia a dia da criança, devido às férias. Além disso, o uso de roupas mais leves facilita muito. Os pais, no entanto, devem saber a melhor oportunidade para não causar traumas e frustrações. Também não aconselho retirar a fralda muito antes dos dois anos de idade, pois a criança pode ainda não estar preparada”, afirma a médica.

De acordo com a especialista, o desfralde feito em um momento inadequado gera transtornos psicológicos e emocionais, como insegurança, ansiedade, choro intenso, ou problemas clínicos, como infecções urinárias, prisão de ventre, medo de evacuar ou a chamada enurese noturna, quando a criança tem mais de cinco anos e ainda faz xixi na cama diariamente ou mais de uma vez por noite.

Outro ponto importante é não fazer o desfralde em situações marcantes na vida da criança, como o nascimento de um irmão ou irmã, separação dos pais ou mudança de casa ou de escola. “Fases delicadas que causam estresse são fatores que impactam a adaptação e dificultam o processo”, explica. Confira abaixo mais dicas da pediatra:

 Repare se a criança se queixa quando está com a fralda suja e se avisa quando vai fazer necessidades – é um indício para o começo do desfralde.

 Dê início ao desfralde no período diurno, tirando a fralda noturna apenas quando perceber que a criança acorda quase sempre seca. Diminua a ingestão de líquidos e a leve ao banheiro antes de dormir.

 Pergunte, de hora em hora, se a criança quer ir ao banheiro. Vai chegar um momento em que ela mesma avisará quando precisar.

 Encoraje e comemore o sucesso e a iniciativa da criança.

 Tenha paciência. O tempo de desfralde varia entre poucos dias ou mais de um mês. Em caso de escapadas, não brigue. Protetores impermeáveis de colchão ajudam a mantê-los secos e conservados durante a noite.

 O processo deve ser divertido. Vale brincar com bonequinhos, cantar musiquinhas ou decorar o penico com adesivos.

 Prefira penico ou adaptador de assento com apoio para os pés, favorecendo, assim, a prensa abdominal – posição que estimula a evacuação.

 Para as crianças mais independentes, que querem fazer as tarefas sozinhas, ensine-as a dar descarga, mas fique atento à higiene para evitar possíveis infecções, principalmente, nas meninas.

 Utilize calcinhas e cuecas sempre de algodão e mais largas, que facilitam a criança a retirá-la sozinha.

 Envolva todos que convivem com a criança – seja em casa ou na escola – para dar maior segurança no processo.

 

Espero que esse post tenha ajudado, minha Lele já passou dessa fase, mas sei o tão complicado é, mas você vai conseguir. Tenha fé, mulher!

4 comentários
Postado por: Nique
tags: .
04 de fevereiro de 2017

Conjunto P&B #lookatme

E aí, tudo bem com vocês? Aqui está ótimo graças a Deus e até que estou conseguindo manter um ritmo por aqui não é mesmo? Não vou nem elogiar muito pra não perder esse ritmo rsrsr.

Como faz tempo que não posto look aqui, resolvi voltar com tudo, tenho alguns looks pra postar de peças como esta que recebi e outras que ganhei e comprei e que acho que vale a pena compartilhar, eu quase não curto tirar fotos né? #spq

Recebi esse conjunto e fiquei completamente apaixonada por ele, pois além de ser de uma cor que não tem como errar, é tendência: saia midi, cropped e listras. Muita tendência junta não é? Pois bem, usei esse look na festa do balé da minha Letícia, só que com outro sapato, acho a saia midi tão elegante e dependo da composição dá pra fazer diversos looks para qualquer ocasião não acham? Mais chega de papo e vamos as fotos!

Cropped + saia – New Chic (aqui) / Acessórios: Acervo / Sandália Prateada: Schutz (aqui)

E aí? O que acharam do look, usariam?

7 comentários
Postado por: Nique
tags: .
03 de fevereiro de 2017

Bala ácida e língua preta #vídeo

E aí, tudo bem com vocês? Aqui está tudo certinho, e tão certo que até gravei vídeo, oh coisa boa né? Pois é o vídeo teve a participação das minhas princesinhas Cecília e Letícia, elas deram a ideia e resolvi gravar só pra não deixar o canal abandonado. Vamos ver então?


Não esqueça de se inscrever e receber as notificações assim que um vídeo foi ao ar! Quero chegar aos 500 inscritos, ajuda a mãe aqui!!!

2 comentários
Postado por: Nique
tags: .
02 de fevereiro de 2017

Como montar uma lancheira saudável e prática para seu filho

E aí, tudo bem com vocês?

Semana que vem as aulas por aqui já começam e, com elas, a tarefa de montar a lancheira das crianças. Este desafio exige fazer escolhas certas. Segundo a nutricionista do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, Patrícia Citelli Berger, é importante que a lancheira seja recheada de lanches saudáveis, atrativos, nutritivos e rápidos de preparar, equilibrando fontes de proteína, vitaminas, fibras e minerais, carboidrato e líquidos. “Os pais não podem desanimar e se render aos lanches prontos, pois são menos nutritivos, MAS não adianta insistir para o filho comer bem se os pais não dão o exemplo em casa”, ressalta a nutricionista.

imagem: Immagine

Para uma lancheira ideal, os alimentos devem ser saudáveis e, ao mesmo tempo, do gosto da criança. “É importante envolve-los na montagem. Pedir a opinião desperta o interesse pelo alimento que ele irá ingerir”, diz. Variar os alimentos também é importante, pois levar sempre o mesmo alimento no lanche pode enjoar e desestimular a comer bem. Confira as dicas da especialista para montar a lancheira ideal para o seu filho:

 Prefira as lancheiras térmicas, pois permitem um melhor acondicionamento dos alimentos e mantêm a comida mais fresca.

 Abuse da variedade das frutas. além da maçã ou banana, outras também são práticas para o consumo, como laranja, mexerica, pera, uva, morango, manga, melão ou melancia. As frutas devem ser enviadas já lavadas e secas, em potes vedados, e podem ser picadas em formatos divertidos. Importante aproveitar as frutas da estação, além de mais saborosas tem melhor custo.

 Incentive, desde cedo, a ingestão de líquidos, principalmente água mineral. Se preferir sucos naturais, congele o líquido em forminhas e coloque os cubos na garrafa térmica. A bebida irá descongelar aos poucos até a hora do lanche. Polpas ou sucos integrais livres de corantes, acidulantes, sódio e açúcar também são indicados.

 Prefira pães ou biscoitos integrais, multigrãos, de arroz, mandioca, cenoura ou de milho ao invés de pães brancos, bisnaguinhas, bolachas recheadas e salgadinhos. Os pães podem ser preparados com ricota, queijo tipo cottage ou cream-cheese como base.

 Petiscos são atrativos para as crianças. Queijos em cubos, tomate cereja e cenouras baby podem ser levados em um pote ou em formato de espetinho. Também são boas opções os biscoitos de polvilho, frutas desidratadas e mix de castanhas e cereais sem açúcar.

 Seu filho gosta de bolos? Faça opções mais saudáveis e saborosas, como de cenoura, limão, coco, laranja e até o de chocolate (feito com cacau em pó). Se puder, troque a farinha de trigo refinada por integral, aveia ou biomassa de banana verde. O açúcar comum pode ser substituído pelo mascavo.

 Se mesmo assim seu filho preferir o lanche do colega, procure saber o que o amigo costuma levar e inclua no cardápio da semana. Se forem guloseimas, combine o consumo a cada 10 ou 15 dias.

Minhas filha Letícia é péssima pra comer frutas, mas esse ano vou tentar incrementar a lancheira dela pra ver se a convenço comer pois sei o quanto é importante uma boa alimentação. Já meus filhos velhos, não levam lancheira, então é mais fácil inserir frutas e pães na hora do lanche, espero que tenha resultado positivo e que eles criem o hábito de comer frutas sempre, pois eu e o pai adoramos.

1 comentário
Postado por: Nique
tags: .


{Editar Fotos Online de Maneira Simples e Gratuita}